quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

15 de dezembro.

Às vésperas do verão, uma manhã de fim primaveril por aqui nasce chuvosa e com uma leve preguiça.
Seu céu em tom acinzentado, o chão delicadamente molhado pela garoa fina que cai sem parar, sob uma névoa que esconde o verde da mata à frente.
Passos lentos marcam os sons através da janela.
E os pardais ainda teimam em cantar prá dar graça ao dia.

Um dia aparentemente normal, não fosse por ser a metade do ultimo mês do ano.
Ano de datas significativas, como especialmente a de hoje, 15 de dezembro.
Entre o 14 e o 16, o número 15 reina.  Como em: 1- A felicidade e a dor. 2- O sim e o não. 3- O passado e o futuro. Sendo que, todos tem a magia e tempo como meio.  1-O medo. 2- A escolha. 3- O presente.

Num dia 15 você acorda e tem um filho.
Se descobre apaixonada.
Tem o melhor sexo da vida.
Tem que se despedir...
Faça chuva ou sol, nada muda, assim como, nada nunca mais poderá ser igual!

Uma vida cheia de emoções pode ser muito complexa e desastrosa!
No desastre tem muita felicidade e também muita dor. A chave é não evitar conhecê-las.
Na felicidade você pode vagar e sonhar. Imaginar tudo que você poderia ser e esquecer quem é você atualmente. Ou, ser apenas você e isso ser único!
Na dor você descobre sua verdade, os segredos que você esconde e que, ocasionalmente aparecem prá te lembrar os lugares obscuros que você já esteve e poderá voltar.

Entre a felicidade e a dor, está o medo. O pior lugar de todos.
O medo faz com que você defenda o pouco que tem. E evita que você atinja o que realmente precisa.
Tendo sorte, aparecerá um anjo em sua vida e te resgatará de todos seus medos. Pegará sua mão, deitará ao seu lado e te dirá: - respire! E te ensinará o cheiro de uma nuvem.
Há quem encontre esse anjo e o leve dentro de si.
Há quem o sinta e carregue seu peso nas costas.
Há quem apenas quer ao lado, voar livre. Mesmo que se vá longe.

Pois, não há asas que voe tão longe que o sentimento não alcance.
Não há a promessa de um beijo que não guie a volta ao paraíso.
Não há dezembro que não retorne...

10 comentários:

  1. Passando pra deixar um oi e da uma linda
    Obrigada pelas palavras em meu blog, fico contente que tenha gostado de lá, assim como adorei aqui =.)

    BeIjO!

    ResponderExcluir
  2. De uma olhadinha no meu outro blog, tem uma postagem que trata do filme sobre Florbela que esta para ser lançado ano que vem, coisa mais linda!

    Beijo querida!

    ResponderExcluir
  3. adoro essa sua capacidade de me deixar arrepiado . beijos

    ResponderExcluir
  4. É por isso que volto.
    Renovar a alma e o sabor do dezembro.
    Um beijo Mila sumida, Linda!

    Sem fala pra essa dupla.

    ResponderExcluir
  5. Oi Mila,

    Encantando com o transbordar do teu coração sobre a vida, conseguiu a profundidade dos oceanos e a força dos rios e a tranquilidade dos lagos.

    Apaixonante!

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  6. "Nunca se é tão feliz nem tão infeliz como se imagina."
    La Rochefucault

    "Ser feliz sem motivo é a mais autêntica forma de felicidade."
    Carlos Drummond de Andrade

    "Podem ter a certeza de que não foi quando descobriu a América, mas sim quando estava a descobri-la, que Colombo se sentiu feliz."

    Dostoievski

    ResponderExcluir
  7. De fato, todos os Dezembros voltam, Mila...E, nenhum, absolutamente nenhum Dezembro é igual ao outro. Esse mesmo em qual estamos, nesse 2011, percebo que traz nos ares dos seus dias, muita poesia evolando...O seu blog é prova disso. Parabéns , querida!
    Beijinhos da Centelha!
    Ahhh, também , como você gosto de visitas e seguidores..hahahah, como vc me segue, sigo a você também! Tchau...até...

    ResponderExcluir
  8. Vim te visitar e deixar meu abraço,minha amizade e meus votos de um FELIZ NATAL, com muita paz, saúde e prosperidade para você e todos de sua família.BOAS FESTAS!!!

    Que DEUS sempre te ilumine e te encha de bençãos por toda sua vida.
    Um carinhoso abraço do amigo,
    RUBI VALENTE
    (Fujioka-Shi, JAPAN).

    ResponderExcluir
  9. Eterno dezembro, bom texto.
    Parabéns não só por seu blog,
    mas pelo conteúdo das postagens.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  10. Querida, Feliz Novo Ano. Lindo e rico teu blog,bela forma, estrutura.Estou aprendendo a seguir...creia.Logo aprendo.., e veio te acompanhar!!!

    ResponderExcluir

Agradecer é um hábito saudável para quem sabe viver e fazer do agradecimento uma forma de conservar a amizade e conquistar novos amigos!
Obrigada por sua visita e por seu cometário. Volte sempre!